III Amostra Cultural Albaniza -ARTE PELA ARTE

Loading...

sábado, 30 de abril de 2011

Novo Acordo Ortográfico - Uso do hífen






O novo acordo ortográfico da Língua Portuguesa vem causando muitas dúvidas em alunos e até mesmo em conhecedores da Gramática Normativa, como nós professores. É que as regras e suas exceções ainda não estão muito claras e, com isso, surge muita bagunça. Neste vídeo (ao lado, na barra de vídeos Cordel Ortográfico) observamos, de forma bem engraçada e instrutiva, algumas das regras do uso do hífen em palavras compostas. Palavras formadas por dois elementos em que a vogal do segundo elemento é diferente da vogal do primeiro, por exemplo, agora são grafadas sem o hífen. É o caso de:
a) aeroespacial
b) autoescola
c) coautor
d) semianalfabeto
e) semiaberto
f) infraestrutura etc.

No entanto, palavras em que a vogal do segundo elemento é igual a do primeiro, permanecem com hífen. Como nos exemplos:
a) anti-ibérico
b) auto-observação
c) supra-auricular etc.

Quando o segundo elemento for iniciado pela letra h, também utilizamos hífen, independente do prefixo. Observem:
a) super-herói
b) extra-humano
c) anti-herói etc.

Também utilizamos o bendito hífen em palavras cujo primeiro elemento apresenta final -em. Veja:
a) Bem-vindo
b) além - mar
c) sem-terra
d) recém-chegado
e) recém-nascido
f) bem-estar etc.

Em palavras compostas em que o primeiro elemento é acentuado, como é o caso dos prefixos pré, pró e pós, também utilizamos hífen, de acordo com a nova ortografia:
a) pós-graduação
b) pró-reitor
c) pré-história
d) pré-datado
e) pós-escrito etc.

Um caso específico é o do prefixo sub, em que só devemos utilizar hífen quando o segundo elemento for iniciado por b, r ou h. Exemplos:
a) sub-humano
b) sub-base
c) sub-reitor

Mudança significativa ocorreu também com palavras compostas iniciadas com a palavra não como prefixo. Já sabemos que o prefixo não tem o sentido de des ou in. Apesar de não utilizarmos mais o hífen, devemos separá-las por espaço.Vejamos como ficou:
a) não obrigatório
b) não existente
c) não contável etc.

OBS: não confundam!
Palavras compostas que já eram grafadas sem hífen na antiga ortografia, continuam sem hífen. É o caso de:
a) preencher
b) reelaborar
c) reeleição
d) reaver
e) compreensão etc.

Espero que essas dicas tenham ajudado a esclarecer algumas dúvidas. Em breve, postarei mais dicas e mais vídeos também. Se existir alguma dúvida urgente, por favor, não hesitem em enviar pelos comentários. Encontro vocês nas aulas sobre Ortografia!
Abração!

Prof. Márcia de Oliveira

Nenhum comentário:

Postar um comentário